Qual a diferença entre Planner, Bullet Journal (Bujo) e Agenda? Vem conferir nesse post!

diferença entre Planner, Bullet Journal e Agenda?

Organização diária é imprescindível para quem quer ter uma vida mais produtiva entre outros benefícios que a organização trás, para isso existem ferramentas que auxiliam ela, ferramentas tanto físicas quanto digitais, e quando a gente associa papelaria + organização vem em mente as ferramentas físicas, que envolve o papel, o escrever e o ler.

Hoje falaremos das ferramentas: planner, bullet journal (também conhecido como bujo) e a agenda.

Qual a diferença entre esses três acima? É isso que vamos destrinchar nesse post e explicar um por um.

Planner

Muitas pessoas diferem o planner da agenda com a justificativa que o planner não tem data e pode começar quando quiser e a agenda tem datas marcadas, mas não é bem assim, existem sim planners sem data, ele é chamado de permanente ou não datado, mas tem vários que são datados sim, depende do que você estrará comprando, sempre preste atenção nessa questão, mas sim, há planners sem data onde você que completa elas no layout dele, assim você pode começar no dia e mês que quiser, já a agenda é anual, começa dia 01 de Janeiro e termina dia 31 de Dezembro.

Planner vem do inglês “planejar” e é uma ferramenta de planejamento e organização semelhante a agenda, porém com mais funcionalidades e formatos, para ser um planner ele precisa ter ferramentas dentro dele que te ajude a se planejar e se organizar, geralmente em muitos deles você encontra controle financeiro, controle de hábitos, login e senhas, datas importantes, visão anual, mensal e semanal do ano/mês/semana, “to do lists”, metas, controle de séries, filmes, leituras entre outras ferramentas, existem uma infinidade de configurações, e tudo isso vem já impresso, está lá dentro dele, independentemente de ser datado ou não como citado acima, você irá completa-lo apenas com suas informações, pois o layout estará pronto, ele não vem em branco como um bullet journal onde você começa do zero, ele vem com as ferramentas que ele se propõe ter, e não é uma regra, tem planner que tem a página de controle financeiro, tem planner que não, ou que tem controle de hábito ou não, sempre dê uma checadinha do que ele tem dentro dele e suas características para saber se ele se adaptará ao seu dia a dia, às vezes você não gosta de assistir muito filmes e séries, então um controle para isso seria desnecessário, então sempre veja o que mais se aproxima dos seus hábitos e gostos.

Além das ferramentas de um planner diário, os que estão presentes conosco por durante pelo menos 1 ano, existem também tem os temáticos, onde você o utiliza de acordo com o que quer e precisa, ele é mais personalizado ainda, como por exemplo: planner de gestação, planner de viagem, planner comercial (da sua loja ou do que você presta serviço), planner para professor, planner só de hábitos fitness, planner voltado para cuidados com a saúde, enfim, se você quer um planner específico procure na internet sempre por “planner + o que você precisa”, por exemplo, “estou grávida”, procure por planner para grávidas, ou, “sou empresária”, procure por planner para empresárias, portanto tem uma infinidade de planner e marcas/empresas/lojas que produzem, um você encontrará, tenha certeza, apenas pesquise bem, veja as características, coloque num papel o que você precisa e vá em busca.   

Nós recomendamos que você tenha pelo menos o planner anual que já tem incluso o planejamento do ano e mês a mês, e caso precise de algo mais específico, tenha mais o temático, assim um complementa o outro e sua organização terá um plus ainda maior.

Mas lembre-se, o planner tem que ser funcional e ter ferramentas já existentes dentro dele para ser um planner, um caderno seja sem pauta, pautado, pontilhado ou quadriculado que tem em sua capa escrito “planner”, não é planner, no caso é um bujo, sempre se atente a todas as características de um produto, veja como é por dentro, o layout e se irá se adaptar ao seu cotidiano e rotina.

Bullet Journal ou Bujo

Bujo é a abreviação do termo Bullet Journal, um método de organização de produtividade criado em Nova York por Ryder Carroll um designer austríaco por volta de 2012 e em 2015 teve seu “boom”, o termo Journal, significa em inglês diário/caderno de anotações, e o Bullet não tem tradução literal, e sim é uma palavra inglesa para aqueles símbolos que a gente põe antes das tarefas que precisa executar.

O bujo é um caderno geralmente tamanho A5 (meio ofício) que hoje as pessoas usam tanto pontilhado quanto sem pauta ou pautado, depende do que melhor curte e se adapta, e a pessoa mesmo que faz o layout dele, ao contrário do planner que já vem todo impresso, ou seja, você desenha tanto suas ferramentas, quanto registra nelas suas informações.

Ryder Carrol tem seu método descrito em seu livro “O método Bullet Journal: Registre o passado, organize o presente, planeje o futuro”, mas atualmente tem várias versões de como fazer o seu, até porquê é um método que trás muita liberdade, afinal, é você que faz de acordo com sua rotina e hábitos, não precisa ser certinho, não precisa ser regrado ao extremo, apenas seguir algumas coisinhas que são necessárias até para o seu entendimento mesmo.

Mas mais para frente traremos um post apenas dedicado ao Bujo e apenas dedicado ao Planner, com dicas, como fazer e tudo mais, hoje iremos apenas dizer a diferença entre eles e o conceito de cada um, tudo bem?

Portanto um bujo é um caderno em branco onde você se organiza por ele desenhando todo layout da semana, do mês, faz listas e etc... é muito libertador, principalmente para quem não quer as ferramentas pré-impressas em um planner e agenda.

Agenda

A agenda já é uma velha conhecida da gente, desde que a gente nasceu ela já existia 🤣, vamos dizer que ela é a base do planner, mas ela tem algumas limitações e é mais simples, possuem datas fixas, geralmente do dia 01 de Janeiro ao 31 de Dezembro, há agendas que não vem data, mas é raro, além de a agenda ser algo mais para administrar o que será e para lembrar de compromissos do dia a dia, como visita a alguma amiga, aniversário de alguém do , consulta médica e etc...

A agenda é bem mais simples de entender e usar, pois ela requer apenas anotações dos seus compromissos e atividades na ordem dos meses e dias, é o método ideal para quem tem rotina regrada e definida, e ajuda a não sair nada do controle.

Na agenda não é ela que se adapta a sua rotina e hábitos é você que se adapta a agenda, preenche com as informações que ela pede como “tal dia e horário tenho que fazer x coisa” e pronto, é bem minimalista, mas não tem nada de errado e ruim com isso, a simplicidade às vezes é a chave para determinadas pessoas serem produtivas e organizadas, tudo depende do seu perfil.

O uso da agenda seria mais interessante no trabalho ou para você que tem compromissos que de jeito algum pode esquecer, não que o planner ou o bujo você possa esquecer, mas que eles possuem outras ferramentas a mais para maior aproveitamento e agenda limita um pouquinho por ter menos funcionalidades.

Resumindo...

O planner é algo mais personalizado, funcional e “pré-pronto”, a agenda tem funcionalidades gerais, porém é um pouco limitadora e o bujo é um caderno “cru” onde você personalizará de acordo com suas necessidades, hábitos e rotinas.

Pareceu um resumo bem bobo né? 😅 mas essa é a essência, e para você ter certeza mesmo do que é melhor adaptável para você, seria legal ir usando e experimentando ou e por quê não utilizar os 3 juntos? um para cada área e campo da sua vida? Isso só você poderá estabelecer, pois é de cada um essa identificação, experimente, mude, não tenha medo, apenas se priorize e priorize sua organização, até porquê aqui temos a qualidade de vida em pauta, e se organizar pode ajudar a sua melhorar, até para quando você quiser jogar tudo pro alto e só procrastinar e tá tudo certo, é seu direito e também faz bem, de novo, se priorize acima de tudo, bem estar é a regra!

Esperamos que tenha curtido esse post do blog, os comentários permitem que você interaja com o post, diga aqui qual o seu método preferido, se usa 1, 2 ou os 3, como você encontrou o método ideal, ou se ainda não e está procurando ou se adaptando, enfim... tem muita coisa ainda legal pra gente conversar, e aqui no blog nós podemos.

Um grande beijo e até o próximo post!

Paper Heart Box.